Subindo de nível

Subindo de nível

O conceito de 4PL não é novo e tem sido debatido há algumas décadas

2 de março de 2021

Se as nossas vidas neste ano de 2020 fossem parte de uma partida de Fortnite eu diria que caímos de paraquedas na parte mais longínqua da ilha, com armas que não sabíamos usar bem e todas as nossas estratégias tiveram que ser revistas, pois o mapa mudou totalmente e fomos pegos de surpresa pela tempestade que deixou muitos pelo meio do caminho. Para quem chegou até aqui a boa notícia é que o fim desta tempestade já começa a ser vista no horizonte e que a grande maioria de nós conseguiu guardar alguns kits de vida para nos proteger. Onde se formará a próxima tempestade e onde será o próximo safe zone? Não sabemos mas já temos uma boa ideia para onde vamos até chegar ao fim e subir de nível. É claro que não estamos neste jogo da vida para “ganhar” nenhum jogo, mas sim para aprender como sobreviver às intempéries da vida, ganhar resiliência e para evoluir para um novo nível.

O conceito de 4PL não é novo e tem sido debatido há algumas décadas mas efetivamente nunca ganhou muita força, afinal de contas o modelo com operadores logísticos tem desempenhado até então um papel importante e até então eficiente. Contudo a tempestade da pandemia pegou todos de surpresa e trouxe à tona as deficiências deste modelo que o mercado já vinha apontando há tempos. O cenário atual tem pedido uma reavaliação dos papéis desses atores e a demanda urgente por novas soluções é cada dia mais crítica. O mercado da saúde é muito tradicional e conservador, entretanto temos notado sinais vindos principalmente da indústria e de alguns laboratórios que a situação está mudando… E neste novo cenário o modelo de 4PL volta a ganhar muita força e a fazer muito sentido como referência na busca por soluções inovadoras que o mercado está demandando.

Qual o papel então de um 4PL e qual a sua importância neste novo capítulo? Um 4PL puro sangue é aquela empresa “asset light” que senta ao lado do cliente como expert do assunto para escutar as suas “dores”, desenhar e buscar as soluções no mercado, customizar, implementar e gerir em nome do cliente. O 4PL não concorre com os operadores tradicionais, são conceitos e modelos complementares. O 4PL por não ser um operador nem uma “software house” pode e deve ter a liberdade para buscar a melhor solução sustentável para o cliente de maneira transparente e neutra, não importando onde ou de quem seja a solução.

Que a dificuldade da pandemia sirva de alicerce para a construção de soluções 4PL inovadoras em 2021!

Associe-se Abramed

Assine nossa Newsletter

Abramed Home Office